Perguntas e Respostas

1 – Qual o objetivo do workshop All Love?

O workshop All Love objetiva a abertura e a cura de seu cardíaco e, através dele, levar o aluno a um processo de Iniciação espontânea, experimentando assim uma condição de Iluminação.

Sabe-se que o chacra cardíaco é o chacra central do sistema energético de nossos corpos físicos. É de sua responsabilidade fazer com que os chacras superiores se comuniquem satisfatoriamente com os chacras inferiores e vice-versa. Isto acontece quando seu sistema está livre de amarras e toxinas.

Os trabalhos no workshop All Love visam desbloquear estes sistemas, liberando os nós que impedem o livre fluxo de energia do corpo. Através do trabalho, procuramos dar o melhor suporte para que o receptor consiga trazer a energia do céu, a energia da Fonte, para todo o seu sistema, levá-la até o centro da terra e trazer a energia da terra para nutrir todo o seu ser. No momento em que ambas as energias se juntam no coração, ele começa a se expandir, conectando o receptor a tudo que existe. Então, o receptor está conectado com o céu e com a terra pelo canal central, linha vertical, e com tudo que existe pela linha horizontal e seu sistema está totalmente livre para que a Fonte, a que aqui denominamos Sol Central, possa descer e habitar o corpo físico. Neste momento, o receptor experimenta a unicidade perfeita, ativa a sua ankh – seu sopro de vida eterna – e sente o coração “explodir” em um sentimento abrangente de Todo o Amor. Não o amor individualizado, por alguém ou algo, mas o amor total, o amor por todos e por tudo, e passa assim a amar também todas as partes de seu ser, mesmo as mais ocultas e as mais densas.

2 – O que é Iniciação no workshop All Love?

Denominamos Iniciação um estado de re-conexão e unificação profunda com o céu, com a terra e com tudo que há. Um estado de re-conexão com o seu Espírito e com sua verdadeira essência.

No workshop All Love, vivenciamos vários níveis de Iniciação. Os estados de iluminação se sucedem em vibrações e diferentes patamares de re-conexão até que se alcance um estado de iluminação total. Quando este estado ancora em nosso ser, vivenciamos a transfiguração em todos os níveis (físico, emocional, mental e espiritual) e simplesmente sabemos que isto aconteceu, embora não tenhamos palavras, muitas vezes, para explicar.

Quanto mais intensa e profunda a experiência, quanto maior o tempo que se permanece neste estado, tão mais perenemente ele permanece em nós e na nossa vida na matéria.

3 – Como o All Love se conecta com o SEKHEN?

O All Love é como o Patrick Zeigler denomina atualmente o seu trabalho com a energia Sekhen.

Sekhen é o nome de uma antiga forma de trabalho com a energia muito usada no antigo Egito. Patrick entrou em contato com esta energia há muitos anos e, de lá para cá, a energia veio tomando formas e características evolutivas. Após sua iniciação espontânea nas pirâmides de Gizé, Patrick começou a estudar mais profundamente a energia e sua forma de trabalho. Em um de seus caminhos, ele foi aconselhado a mantrar o nome “Allah”. Mantrando este nome, ele percebeu que o som se modificava e que, de fato, ele mantrava “All Love” e sentia, ao mesmo tempo, expandir o sentimento e a emoção de amor em seu coração. Ao começar seu trabalho difundindo esta característica da energia, ele percebia que era justamente isto que acontecia no decorrer de seu workshop: as pessoas expandiam o amor em seus corações e um grande campo de amor se formava envolvendo a todos. Passou então a denominar seu workshop de All Love, pois este é o objetivo e o resultado final deste trabalho.

4 – Por que o workshop All Love não tem agenda?

O workshop All Love não objetiva ensinar técnicas ou uma forma específica de trabalho. Trata-se de um workshop experiencial, em que o aluno é o co-criador do próprio workshop e da energia. Por se tratar de um workshop de cura e não de um workshop informativo, não há como saber o que os alunos que formam a energia do trabalho necessitam. Cada workshop tem, portanto, uma dinâmica, uma abordagem e um caminho distinto em si mesmo. Todos eles, entretanto, levam ao despertar do coração, a experimentar períodos de iluminação, uma re-conexão com o céu, com a terra, com tudo que há.

5 – Em que sistemas e níveis o All Love trabalha? O que podemos sentir durante os trabalhos?

O objetivo do workshop é a abertura do coração, o conectar com o céu e a terra, o experimentar e manter um estado de iluminação, o voltar a viver em seu Espírito, regido pelo Espírito, o voltar para seu estado de criação original. Para isto, a energia trabalhará todos os níveis do ser: físico, emocional, mental e espiritual.

No nível físico, o aluno experimentará uma eletricidade em muitas camadas de seu corpo. Para alguns, esta eletricidade vibrará mais fortemente, levando-o, muitas vezes, a uma vibração externa. Outros, ou até mesmo os primeiros, após certo tempo, experimentam uma vibração elétrica mais sutil. Seu corpo vibra intensamente por dentro, em níveis internos. Alguns outros movimentos podem ocorrer a nível físico como resultado de desbloqueio da energia estagnada.

No nível emocional, o aluno vai entrar em contato com muitas diferentes emoções e sentimentos. Alguns destes sentimentos podem se expandir em profundo amor. Alguns outros são expressões de emoção mais densa que explodem para serem re-significadas e re-direcionadas. Qualquer que seja o sentimento que aflore, o aluno recebe todo o suporte para vivenciá-lo de forma saudável e segura até que volte a experimentar a paz e o amor.

No nível mental, pode-se experimentar muitos diferentes movimentos, desde uma sobrecarga de pensamentos a um processo muito profundo de imersão em si, as vezes ficando adormecido por momentos, de forma a que o campo mental possa ser re-significado, ao que denominamos “reset mental”.

No nível espiritual, o aluno pode experimentar uma abertura significativa de seus sentidos e experimentar outros patamares de energia e de dimensões múltiplas. Neste momento, o aluno relata encontros com anjos, com seus mestres e guias e com diferentes universos e moradas estelares, sentindo uma profunda conexão com o divino.

Qualquer seja o nível trabalhado, o importante é ensinar o corpo e o ser a vivenciar e a se movimentar de forma diferente. A ordem é SENTIR. Seja a mera vibração, seja uma emoção, seja um pensamento ou uma conexão espiritual maior, o comando é sempre estar consciente e sentir cem por cento. Desta forma, sensibilizamos todos os níveis do corpo para que se movimentem em direção à percepção das coisas e das pessoas numa dimensão expandida. Entrando cem por cento no que está se passando em algum nível, as células aprendem uma outra forma de funcionamento e direção, o que leva a uma expansão de consciência infinita.

6 – Alguns vídeos mostram alguns alunos em estados de movimentos e emoções incontroláveis. Pode explicar um pouco sobre isto?

Muitas vezes, e este é um dos objetivos, o aluno experimenta o que denominamos de Iniciação espontânea. Isto se dá quando os sistemas vibram em um patamar bastante alto e a energia começa a vibrar em todo o seu ser. Quando isto acontece, a parte mais elevada do seu ser, a que denominamos Espírito, começa a descer e a ocupar o espaço físico. Muitas vezes o aluno não está acostumado com uma vibração tão grande e elevada e perde o domínio de seu corpo físico e ou de suas emoções. A partir de certo momento, a energia passa a liderar e o aluno se deixa levar para que a energia faça o que precisa fazer. Mesmo a energia tomando a liderança e o trabalho nos sistemas, o aluno, na maioria das vezes, não perde a consciência por completo.

Quanto mais forte o sistema e quanto mais expandida a consciência, mais sutil é este processo. Com o tempo, as Iniciações passam a ocorrer cada vez mais silenciosa e harmonicamente de forma muito consciente para o aluno.

7 – O All Love tem alguma conexão com alguma religião ou forma de expressão espiritual?

O All Love não tem qualquer conotação espiritual ou religiosa. Há muitos workshops em que se unem freiras, padres, evangélicos, wicca, espíritas, católicos e protestantes num mesmo ambiente, num mesmo trabalho. Há, entretanto, um objetivo comum a todos: expandir o coração e chegar à iluminação e à total conexão com a Fonte.

8 – O All Love tem por objetivo promover a cura?

A cura não é o objetivo primeiro do workshop All Love, mas uma consequência. Hoje, até mesmo os médicos mais tradicionais reconhecem que existe um fator emocional, mental ou espiritual por trás de cada uma das diversas manifestações de doenças em nossos sistemas. Ao liberar o sistema dos bloqueios mais profundos, a energia volta a fluir naturalmente, fazendo com que o aluno se relembre de sua verdadeira origem de perfeição absoluta e de como voltar a sua perfeição original, uma vez que todas as re-conexões entre corpo, alma e espírito foram reativadas. Desta forma, a cura termina por se estabelecer em todos os níveis do corpo, que se auto-cura.

9 – Muitas vezes, depois de ter feito o workshop, o aluno acha que a vida piorou. Por que isto acontece?

É fato que, muitas vezes, após um grande input de energia num nível vibracional muito alto – quer seja através do workshop All Love, quer através de outros caminhos –, a vida parece que piora num primeiro momento. Temos visto, por exemplo, alunos que perderam seu emprego ou que visitaram hospitais após terem experimentado os muitos céus e toda a sua potencialidade. O que ocorre realmente para nos levar a experimentar isto? Alguns caminhos, como o do All Love, re-conectam o aluno ao seu patamar mais elevado de energia, à sua verdadeira essência, ao seu verdadeiro Eu. Quanto mais forte e longo este momento de re-conexão, mais mudanças chegam ao seu sistema. Ocorre que juntamos muitas toxinas em muitos níveis de nosso ser. Estas toxinas, sejam elas físicas, emocionais, mentais ou espirituais, ocupam um grande espaço em nosso sistema. Mesmo sendo densas, estas toxinas são energia e energia ocupa um espaço. À medida que vamos trazendo um patamar mais alto de vibração energética, o que está estagnando o nosso campo precisa vir à tona, subir até a superfície e transbordar, cedendo lugar ao que está chegando para nós. Usemos a metáfora de um copo de água repleto de água muito lamacenta, muito impura. À medida que você vai trazendo a água mais pura, esta pureza se mistura à água suja que está no copo e vai transbordando pouco a pouco, até que apenas a água limpa e transparente preencha totalmente aquele lugar. Este processo é mais longo para alguns e mais rápido para outros, dependendo apenas de quanto estejamos prontos para esta mudança.

Quando, após um workshop que trabalha profundamente nossos sistemas em muitos níveis, a vida parece piorar, ficamos felizes. Isto significa que a energia está se movendo e limpando e que muitas mudanças estão vindo para o sistema. Acreditem, mudanças melhores! Muitas vezes, o emprego que some de nossas vidas é aquele emprego que nos faz mal, aquele serviço que nos deixa tensos, entristecidos, até mesmo enraivecidos, aquele de que não gostamos, mas no qual permanecemos por não vermos outra alternativa. O que observamos é que rapidamente um emprego que nos satisfaz a alma logo aparece para nós e nos sentimos ainda mais felizes.

Imaginemos que alguém faça um workshop deste tipo e termine ficando muito doente. A doença leva anos se formando em nossos sistemas e, quanto mais grave e crônica, mais enraizada em nossos sistemas sutis. Hoje, sabemos que, apenas quando a doença está setenta por cento formada em nossos campos sutis, ela dá o primeiro sinal em seu campo físico. O que acontece é que quando se trabalha o sistema de forma muito profunda, rapidamente o que estamos formando há muitos anos vem para fora, para poder ser tratada e transmutada. Em geral, as pessoas relatam que, embora saibam que estão fisicamente doentes, elas não se sentem doentes e que conseguem manter um estado de paz e equilíbrio, bem como uma força interior muito grande em si. Outras vezes, é um relacionamento – quer seja com um parceiro, um relacionamento familiar ou entre amigos – que passa por transformações intensas e até mesmo se desfazem. Ao analisarmos, por exemplo, casos de relacionamentos desfeitos, notamos que se tratam de relacionamentos muito doentes que aprisionam a alma e estão adoecendo os parceiros envolvidos. Assim, o fato de desfazer o relacionamento ou reposicioná-lo em outra direção é uma cura muito profunda.

Como podemos perceber, na verdade, a vida apenas parece ter piorado. Ao contrário do que o primeiro olhar pode nos levar a pensar, o que realmente acontece é que estamos passando por mudanças muito profundas e que nosso sistema está abrindo caminhos para patamares em que só existem a felicidade, a liberdade e a completude total, que são próprias de nosso Espírito.

Vale ressaltar aqui que essa sensação nem sempre surge. Para a maioria das pessoas, o sentimento é de mudança profunda, sem nenhuma dor a ser vivenciada. As mudanças ocorrem como fruto da mudança de consciência apenas e são procedidas pela própria pessoa, que escolhe conscientemente isto.

10 – Percebe-se que muitas pessoas repetem o workshop várias vezes. Pode explicar por quê?

O All Love é, como dizemos, um workshop de cura e de re-conexão muito profundas. Embora todos passem por uma profunda conexão com um patamar de muita paz e de muito amor e consigam sentir e perceber sua conexão com a alma e o espírito durante o workshop, muitas vezes, ao retornarmos à rotina de nossas vidas, vamos nos esquecendo de olhar para isto e, assim, experimentamos uma maior dificuldade para manter a consciência desta percepção. Para relembrar o caminho, queremos refazer estes momentos. Como dissemos, quanto mais profundo é nosso mergulho neste patamar de energia e nesta conexão e por quanto maior tempo estivermos neste mar de puro amor, mais fortemente e perenemente esta vibração e consciência serão mantidas.

Outro motivo frequente é que os workshops são diferentes, uma vez que o grupo que o forma tem necessidades diferentes. Assim, o estar em outros workshops nos possibilita olhar para lugares e limitações ainda não trabalhados.

Percebemos, por outro lado, que muitas vezes, alguns alunos experimentam uma re-conexão muito profunda e relatam jamais terem experimentado dias de maior significado em suas vidas. Dizem que experimentaram coisas incríveis e que muitas mudanças e curas vieram para eles e suas vidas. Entretanto, estas pessoas não voltam a outro momento como o que vivenciaram. Por quê? Talvez isto esteja conectado a uma crença ainda muito profunda e ainda não consciente de que não merecem viver em total liberdade e plenitude em seu ser. Talvez ainda não estejam prontos para novas curas e novas mudanças. Ou as transformações pelas quais passaram o encaminharam a outros caminhos que falem mais e melhor à linguagem de seu coração. O que sabemos é que sempre estamos no momento e no local certo na evolução de nosso espírito. Todo e qualquer caminho de integridade e amor nos leva de volta à nossa essência e a Deus.

11 – Qual a diferença entre um workshop de 2 dias e um de 4 dias?

Por se tratar de um workshop de cura e aberturas de re-conexão profundas, o All Love não é estruturado em níveis como alguns caminhos mais conhecidos de energia.

A diferença entre um workshop de dois, quatro ou oito dias consiste, portanto, no tempo em que você permanece neste campo. Vemos alunos restabelecendo profundamente sua conexão com seu Espírito em apenas alguns minutos enquanto outros demoram alguns workshops. Se a pessoa, entretanto, está neste campo de energia por mais tempo, existe uma maior possibilidade de se trabalhar campos de forma cada vez mais profunda. Outra vantagem é a de que quanto mais tempo você se mantém neste campo, mais tempo você consegue experimentar o estado de amor, paz e iluminação e, portanto, o aluno apreende este novo patamar em seus sistemas mais fortemente. Um tempo maior permite, portanto, que a energia trabalhe a nível muito mais profundo do inconsciente e permite que o sistema aprenda uma nova forma de se posicionar e vibrar.

12 – O que é o Retiro de Imersão All Love? E o que é o Retiro Mergulho Avançado?

Para aqueles que já vivenciaram quatro dias de workshop All Love, oferece-se o Retiro de Imersão. Considerando-se que a pessoa já vivenciou uma cura muito profunda e já fez algum nível de re-conexão, o Retiro é um aprofundamento. A proposta é mergulhar em si mesmo, olhar apenas para dentro, encarar seus bloqueios mais profundos e seus medos mais arraigados, de forma a dar um salto ainda mais intenso e significativo. Para isto, o Retiro busca manter o aluno apenas voltado para si mesmo. Os trabalhos são mais silenciosos. Trabalha-se pela manhã, tarde e noite. Fica-se em silencio, desconectado de todas as distrações externas – sem celular, sem computador, sem televisão. É um momento criado para mergulhar e olhar apenas para si mesmo, com mais trabalhos em meditação, em respiração consciente e em movimentos do corpo.

De todos os desafios que se apresentam, o manter-se em profundo silêncio e apenas em si mesmo é o maior deles. Os oito dias permitem que esta dificuldade se expanda e aumente em grande potencial. Isto parece enlouquecedor nos primeiros dias, mas quando conseguimos nos manter neste campo de energia, e desta forma, já no quarto dia o nosso interior começa a mudar e a se direcionar a um patamar de paz e completude muito profunda e muito consistente. Metaforicamente, podemos pensar nos quarenta dias no deserto vivenciados por Jesus.

O que observamos é que, todos os que passaram pelo Retiro experimentaram um estado de iluminação profundo, curas inimagináveis e fizeram mudanças incríveis em suas vidas. Muitos passaram, inclusive, por mudanças visíveis e inquestionáveis mesmo a nível físico e de DNA.

O Retiro Avançado é destinado aos que fizeram o Retiro inicial de imersão e conseguiram ir muito profundamente no olhar para si mesmo, mantendo o silêncio em si e ao redor de si. É um retiro pensado para os que estão prontos a mergulhar ainda mais profundamente, com o silêncio exigido em níveis ainda maiores. Não é criado espaço para a fala nem mesmo no momento usualmente destinado a compartilhar- comum nos workshops de dois e quatro dias.
Para o Mergulho Avançado, o aluno necessita ser convidado pelo próprio Patrick. Não é um workshop aberto a todos, mas apenas àqueles que estão mais prontos para um mergulho interior em níveis ainda mais sólidos e profundos. Para ele, observa-se o aluno no primeiro retiro e como ele esteve durante estes trabalhos iniciais.

Se estar em quatro dias de workshop imerso neste mar de energia já rasga tantos véus de ilusão em nós, já nos traz curas e mudanças tão profundas em tantos níveis, o que falar de mergulhos ainda mais profundos, por um tempo ainda maior? Ninguém sai da mesma forma como entrou de um momento como este.

13 – Quais os pontos em comum entre o Reiki, o Magnified Healing e o All Love?

Tanto o Reiki, quanto o Magnified Healing, trabalham na mesma direção do All Love.

Se pensarmos e meditarmos na mensagem trazida e presente no Kanji tradicional da palavra Reiki, como escrito na época de Dr. Mikao Usui, temos que todo ser que esteja em perfeito equilíbrio, conectado com o céu e a terra, é capaz de perceber e entender a Linguagem e a energia de Deus (energia da Fonte) trazê-la e mantê-la em seu sistema de forma a poder expandir esta energia em direção a outros, trazendo a abundância em todos os níveis. O Reiki nos traz instrumentos de curas profundas em muitos níveis e quando trabalhando os nossos sistemas nos leva de volta a nosso estado búdico, a nosso estado divino, nosso estado de essência pura.

Primeiro curamos a nós mesmos e re-conectados ao Deus em nós, curamos o outro e ao planeta. Através de seus diversos níveis, expandimos nosso Poder Divino (nível I), nosso Amor Divino e Sabedoria Divina (nível II) e nos transformamos na energia do Espírito (REI), através do equilíbrio e expansão destas características energéticas e da Chama Trina em nós e através de nós.

Magnified Healing trabalha nos re-conectando ao céu e à terra e na abertura e expansão de nosso coração. Em cada etapa de seu tratamento, ele nos leva de volta a Deus, nos relembra e nos ajuda a voltar ao estado de imagem e semelhança com Deus (a Fonte) – nosso estado original de criação. O Magnified ajuda a estabelecer, conscientemente, a cura e a transfiguração em todos nossos sistemas, ancorando nosso pilar de Luz e nosso compromisso em expandir a Luz na terra. Assumimos, assim, conscientemente, o compromisso de voltar para casa (nossa verdadeira morada) e a trazê-la para dentro de nosso ser e para nosso planeta, e de estarmos aqui no planeta cem por cento presente e em profunda conexão com o Alto. Também expande e equilibra o Poder, a Sabedoria e o Amor Divinos em nós, expandindo a chama trina de nosso coração para todos os níveis de nosso ser e nos transfigurando em puros pilares de Luz.

Conscientemente, a cada dia, assumimos o nosso divino e trazemos o Espírito para habitar e governar o corpo físico e a vida da matéria, o que nos leva a uma unificação e a um estado permanente de iluminação de forma muito consciente e compromissada.

O All Love objetiva um mergulho profundo em nosso ser. A energia entra desbloqueando nossos sistemas, curando níveis muito profundos e recodificando-os para vibrarem em outra dimensão e em um patamar cada vez mais elevado. Durante o workshop, levamos o aluno a uma conexão consciente com a energia trazida do Alto, da Fonte primeira de criação, e com a energia da Terra que se unem e ancoram no coração, para, através deste centro, se expandir em perfeita unificação com o Tudo que há.

O aluno experimenta em seu sistema o seu pleno poder e a sua sabedoria, e isto o leva a vibrar em uma energia de muito amor. Desta forma, gera-se um campo de energia em seus sistemas que possibilita ao aluno ancorar e experienciar o Espírito em seus corpos e sistemas. Quanto mais fortemente esta conexão é realizada, maior é o tempo que este estado de perfeição permanece em nós e através de nós. Isto fortalece mais e mais a consciência de quem somos verdadeiramente e o que estamos fazendo neste planeta. Os sistemas começam a ser curados a níveis muito profundos, nos levando de volta à forte conexão com a Fonte e com o Espírito, que passa a reger nossa existência e se expandir de nós em direção aos que nos rodeiam. Somos os pilares de energia na Terra e nossa mera presença pode se expandir e curar em muitas direções.

Desta forma, percebe-se que estes três caminhos nos levam a um mesmo momento: conexão com o céu e a Terra através de nosso coração, nos levando a um estado de unicidade com tudo que há, trazendo o Espírito para dentro de nosso corpo físico e para a vida da matéria. Todos os caminhos nos levam de volta ao Deus em nós e à Fonte. De forma mais suave ou mais rápida, fortalecemos a consciência de que somos a Luz no mundo e passamos a nos reger e a reger nossa vida a partir da conexão com nosso Espírito, com a Fonte em nós. Mais e mais conscientes nos tornamos de que através de nós podemos trazer as muitas moradas dos céus para a Terra, trazendo o Jardim do Éden para este momento, para nossa vida, para nosso ser.

14 – Se todos trabalham a mesma coisa, atingem o mesmo objetivo, porque a necessidade de técnicas diferentes?

Por que somos pessoas diferentes, estamos em patamares de vida e de interesse diferentes, usamos linguagens diferentes para nos expressar e precisamos de linguagem diferentes para chegar ao todo. Enquanto o All Love nos toca através da possibilidade de experimentar esta transfiguração, sentindo em nossos sistemas o quantum de energia e sua força arrebatadora que vai além de nossa autorização e de nosso trabalho consciente, o Magnified Healing nos possibilita a transfiguração consciente, a co-criação consciente desta realidade. Conscientemente reafirmamos todos os dias nosso compromisso em estar aqui, cem por cento presentes, conectado com a energia da Terra e do céu, a serviço deste planeta em nosso pilar de Luz, em nosso Ser Crístico de Luz. O Reiki nos leva a uma transfiguração de forma mais gradativa, à medida que estamos prontos para ancorar as mudanças em nosso sistema. De forma mais inconsciente e menos perceptível, sem requisitar um compromisso de tanta consciência em nós, a energia nos ampara e nos fortalece em um campo seguro de muito amor e nos leva a uma transformação muito profunda em todos os níveis de nosso ser. Muitas vezes não temos consciência destas transformações e transfigurações, mas, quando menos esperamos, somos transfigurados em pura Luz. Somos o céu e a Terra, somos o Deus em nós e, através de nós, o céu desce e ancora no planeta.

15 – Qual o melhor caminho?

Aquele que melhor fala ao seu coração, àquele para o qual está pronto neste momento. Vale ressaltar que embora trabalhem nos mesmos alicerces e nos mesmos objetivos, os caminhos trabalham de forma diferente em nossos sistemas, usando linguagens diferentes e trazendo curas em níveis diferentes para nossos sistemas. São caminhos que se unem no objetivo final, mas que se distanciam em suas expressões, se complementando em muitos níveis e se combinados juntos ajudam a que esta realidade ancore mais rapidamente em nós e através de nós para todo o planeta. Costumo dizer que caminhos diferentes não são para serem exclusivos, mas antes para que os conhecimentos e as diferentes formas de expressão e trabalho possam se ajudar e se complementar num todo maior.

16 – Há alguma restrição de idade ou condição física para a participação no workshop All Love?

Em princípio o All Love é destinado a todos os seres do planeta que estejam prontos para vivenciar as curas e transfigurações que ele propicia. Já tivemos em workshops pessoas de todas as idades, crianças e idosos, de todas as religiões e também com muitas limitações físicas. Entretanto, vale lembrar que por sua característica de trabalho, muitas vezes as crianças se assustam com o que experimentarão, motivo pelo qual aconselhamos que os pais por eles responsáveis tenham muita consciência desta escolha e tenham condições de dar o suporte necessário após o workshop. Pois, uma vez que tão logo as pessoas se reconectam com a energia, ela não se limita aos trabalhos pelos dias em que estarão no workshop. As mudanças mais profundas e experiências mais profundas podem acontecer quando voltamos para casa. Vale ainda lembrar aos que estão no início de gravidez, em especial nos três primeiros meses (fase em que este estado ainda não está totalmente ancorado), que a energia entra muito fortemente em nossos sistemas e que isto pode levar a um movimento involuntário do corpo. Assim, se esta for a realidade do aluno, é aconselhável avisar ao coordenador do workshop para que ele possa dar maior respaldo no que se refere a um maior conforto do corpo físico.

Vale ainda ressaltar que pessoas que têm bloqueios psíquicos mais profundos e que usam remédios muito pesados para controlar seus sistemas psíquicos têm uma maior dificuldade para se reconectarem com a energia. Isto não impede sua presença no workshop, mas os resultados podem vir mais vagarosamente. Entretanto, isto não é regra geral, já que nunca sabemos qual o momento do aluno e do que ele estará apto a experimentar. Muitas vezes são justamente estas pessoas que mergulham mais profundamente e saltam ainda mais alto.

Desenvolvimento, Hospedagem e Manutenção Por: IBS WEB .'.